Sem categoria
COLUNA WIL STYLE #87 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
Sem categoria
COLUNA WIL STYLE #86 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
Sem categoria
COLUNA WIL STYLE #85 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
24 de setembro de 2021

RE(NOVA)ÇÃO DA MODA!

As grandes transformações da moda vieram em decorrência de revoluções no campo social. A palavra moda vem do latim “modus” e significa costume, maneira ou comportamento. Para entender a sua influência é necessário voltar um pouco na história e fazer algumas associações: as guerras mundiais, a revolução francesa, a luta de classes, o feminismo… Inúmeros marcos históricos têm ligação direta com as modificações no vestuário, à exemplo o uso do jeans e as calças para mulheres, esses movimentos sociais estão ligados as formas como nos vestimos.

Moda é política! Toda vez que nos vestimos, levantamos um discurso e reafirmamos essa narrativa estética. Nesse contexto pandêmico nossa relação com o consumo foi bastante questionada, no entanto, o que parecia ser um momento de reflexão para consumir menos, pensar se realmente precisamos, se as peças que temos no armário são verdadeiramente necessárias já não é tão potente quanto no início da pandemia. Pelo contrário, com o avanço da vacinação e flexibilização dos decretos, o consumo volta ainda mais latente, fruto da ansiedade guardada por meses.

Estudiosos da moda apontam que a próxima revolução da moda não deve ser sobre novidades, e sim sobre repensar e ressignificar tudo que já existe, o conceito de “upcycling” fica em evidência, o que significa a prática de reaproveitar materiais já existentes, como: tecidos, aviamentos, roupas e várias outras coisas classificadas como ‘lixo’.

O mercado de segunda mão deve valer mais de 64 bilhões de dólares até 2024, no entanto, os consumidores ainda declaram que o principal motivo para comprar peças de segunda mão é o preço e não a contribuição para a saúde e diminuição da poluição no planeta. É nesse viés que precisamos fazer uma renovação do pensamento, já que essa consciência ainda não chegou às massas. Existe uma grande oportunidade comercial para que consumidores, marcas e varejistas fiquem ligados nessa virada de chave, e de fato ressignifiquem o consumo.

Hoje, a revenda de peças usadas está entrando no centro da moda, a nova revolução não é sobre parar de comprar peças novas, é sobre criar novas linhas de pensamento que respeitem a saúde do planeta, é sobre compensar a quantidade de lixo que geramos e reeducar o que é estar na moda. Essa mudança de consciência é a trend da vez!

10 de abril de 2021

COLUNA WIL STYLE #08 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

PÉS GRIFADO

Lançadas na coleção de verão 2021, as sandálias atlas projetadas pelo diretor artístico da Dior masculina, Kim Jones, combinam inovação e um efeito marcante. Elas estão disponíveis em três versões, mesclam a icônica estampa Dior Oblique com camurça preta ou bege e neoprene preto com camurça cáqui. Sua sola é tecida com corda, enquanto as laterais são enfeitadas com malha. A peça já é objeto de desejo entre os mais antenados.

HIT

O bucket hat esteve super presente em 2020 e por mais que algumas pessoas acreditassem que o tempo dele já estava acabando, vale ficar de olho na peça. Pois, ele apareceu em várias outras semanas de moda de 2021 e tem tudo para ser o acessório de cabeça da temporada. A Fashion Week de Tokyo aconteceu de maneira digital e física com 51 designers participando. O evento teve a capacidade de convidados reduzida, mas esse ponto não foi um impedimento para o street style apontar muitas trends.

MAGAZINE

Quando a Bottega Veneta deixou as redes sociais foi um choque para os fashionistas, mas já haviam novos planos para a comunicação da marca. A grife transportou a ideia de uma revista impressa para as telas, explorando com maestria os recursos de interação, vídeo e animação possíveis no ambiente digital. A primeira publicação online, é formada por 135 páginas, apresentando um compilado de imagens e vídeos. Nesse novo material a Bottega consegue realizar as intersecções da moda, cultura, música, fotografia e audiovisual de forma bastante interessante para o seu púbico.

JOIAS FUNCIONAIS

Como uma forma de unir segurança e elegância, diversas marcas de luxo vêm investindo em joias que complementam peças tecnológicas, entre elas o destaque vai para os fones de ouvido bluetooth, diminuindo o risco de perdê-los, por se tratar de dispositivos sem fio. A designers de joias Delfina Delettrez, da quarta geração da família Fendi, e a Louis Vuitton, estão unindo estética e funcionalidade para essa tendência de acessórios, uma utilidade luxuosa e elegante para prender nos AirPods.

1 de março de 2021

COLUNA WIL STYLE #03 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

POWER

Para o lançamento da terceira edição da collab adidas x IVY PARK, adidas e o coletivo BATEKOO, parceiro da marca e importante peça no movimento LGBTQIA+ e negro no Brasil, produziram um ensaio especial para trazer uma releitura brasileira aos looks da coleção ICY PARK. As fotos ficaram incríveis e são um celebração fashion da diversidade, pluralidade de corpos e, especialmente, uma visão própria de moda mais inclusiva.

REPRESENTATIVIDADE

Natural de Tamboril, no sertão do Ceará, Kayla Oliveira (JOY Model) acaba de mudar-se para São Paulo, onde desponta entre a nova geração de apostas da moda brasileira. Aos 25 anos, a top chega para agregar ao time de modelos transgêneros do Brasil, que tem trazido representatividade ao mercado fashion e quebrando importantes barreiras. Desejamos que esse movimento seja continuo e crescente.

ONDA FASHION

A proposta do Kidcore oferece um lifestyle com direito a todas as cores do arco-íris em suas roupas e acessórios, além de estampas fofas que carregam fortes referências em personagens e brinquedos que marcaram as décadas de 90 e 2000, como o Piu-Piu da Warner Bros, por exemplo. A nova tendência é super colorida, que traz um conceito até mais “infantil”. Os maiores responsáveis por trazer esta onda novamente são os jovens da geração Z, que, por meio de seus vídeos no TikTok, expandiram a essa aposta pelo mundo outra vez.

PERFUME POP

Lady Gaga acaba de acrescentar mais um highlight à sua impressionante carreira: embaixadora de Voce Viva, o novo perfume da Maison Valentino. “Ela é o ícone de uma geração. A sua mensagem de liberdade, paixão pela arte, autoconsciência e igualdade é a mesma que a nossa comunidade Valentino representa. Estou muito orgulhoso por tê-la connosco.”, reforçou Pierpaolo Piccioli, diretor criativo da Maison, em comunicado para imprensa. A fragrância já tem uma pré-venda recorde.

8 de novembro de 2020

COLUNA #111 LIFE STYLE – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

TRANSFORMAÇÃO

A semana foi marcada por mais uma edição do SPFW. Além das apresentações virtuais, o documentário “O Ponto Firme” foi um assunto bastante comentado durante o evento. O filme é fruto do processo criativo da primeira coleção de roupas de crochê do Projeto Ponto Firme, desenvolvida por cerca de 20 homens dentro da Penitenciária II Desembargador Adriano Marrey, em Guarulhos/SP. Ao longo de uma hora e meia, o filme observa o professor Gustavo Silvestre se esforçando para fazer tudo acontecer, e em paralelo mostra a transformação dos alunos através da arte. O longa está disponível de forma gratuita em todo território nacional na plataforma Spcine Play streaming da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo. Imperdível!




COLLAB

Diane Von Fürstemberg fechou uma parceria com a C&A. Diane se consolidou como designer e seu nome ficou eternizado por meio da criação do wrap dress, em 1974. A idealizadora do vestido envelope é referência mundial de elegância. A nova coleção reúne 41 peças, entre elas estão vestidos, saias, tops, macacões, calças e kaftans, além de uma linha de acessórios. A estamparia é um ponto alto do lançamento e traz prints icônicos da marca internacional, com referências abstratas e da natureza, como folhagens e animal print. As peças certamente vão esgotar das araras da rede fast fashion.

PODEROSO

Empresário à frente do grupo Arezzo&Co., Alexandre Birman já domina o mercado quando o assunto são os sapatos. Schutz, Anacapri, Arezzo, Fiever, Alme, Alexandre Birman e Vans estão sob seus cuidados. Dessa vez, Birman surpreendeu a indústria da moda ao dar um grande passo, adquiriu a Reserva, companhia carioca fundada em 2004 pelos empresários Rony Meisler e Fernando Sigal. A transação de R$ 715 milhões, contempla as seis marcas do grupo – a própria Reserva, Reserva Mini, Oficina Reserva, Reserva Go, EVA e INK. Essa aquisição ampliará o portfólio da Arezzo&Co para 13 marcas e consolidará a estratégia grandiosa da companhia de se tornar uma house of brands.

PONTEIROS

A James Cook apresenta uma nova coleção e se torna a primeira marca brasileira de relógios a lançar produtos com as pulseiras feitas de Pinãtex, uma matéria-prima 100% natural e vegana, desenvolvida a partir das fibras de folhas de abacaxi e amido de milho. O processo de produção e confecção conta com selo de aprovação da PETA e registro na Vegan Society. Além dos benefícios da sustentabilidade, os relógios possuem um design clássico, atemporal e moderno ao mesmo tempo, resultando em um item versátil e eterno, que se adapta à todas as ocasiões e estilos.

27 de outubro de 2020

COLUNA #109 LIFE STYLE – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

Dossiê das tendências internacionais para o verão’21

A moda começa a respirar em meio aos impactos da pandemia global do novo coronavírus. Designers e marcas das quatro grandes capitais da moda mundial se reinventaram para apresentar suas propostas e ideias para o verão’21 entre desfiles físicos com rígidos protocolos de segurança e formatos digitais variados, durante os meses de setembro e outubro de 2020 em um momento tão atípico. A coluna trouxe os da temporada.

Tons áridos

Como uma opção oposta ao caleidoscópio das estampas, o bege apareceu em diversos tons e impressionou pela simplicidade e sofisticação.

Handmade

O tricô e o crochê se tornaram os queridinhos nesse período de quarentena. A valorização do feito à mão foi vista em várias apresentações nas passarelas.

Mix de estampas

Os desfiles foram palco para muitas estampas que a princípio conflitam entre si mas que logo nos remetem ao conhecido e aconchegante: patchwork.

Prata

Designers como Tom Ford trouxeram em suas coleções muitos acabamentos metalizados. Nada melhor do que muito brilho para alegrar os olhos nessa nova temporada.

Peças amplas

A tendência de silhueta mais larga veio com tudo, essa pegada oversized surgiu acompanhado camadas de roupas com peças soltas ao corpo que formam um visual super descolado.

Cores Fluorescentes

A paleta de cores fluorescentes estão com tudo, apareceu nas roupas, sapatos e bolsas. Um aposta hit dos designers e perfeita para colorir o visual.

Máscaras

Ainda um item contraditório e que muitos designers relutam para incorporá-la, a máscara apareceu em mais desfiles nesta temporada. O acessório de proteção diária, nas coleções aparecem com uma certa licença poética em muitos materiais.

20 de setembro de 2020

COLUNA #105 LIFE STYLE – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

O período de pandemia gerou impactos em diversas áreas e não foi diferente na indústria da moda. Aos poucos toda cadeia volta a se movimentar seguindo os protocolos de segurança e as adaptações necessárias para a nova realidade. Estreiando a New York Fashion Week o estilista Jason Wu apresentou sua linha de Primavera Verão 2021 e foi ovacionado pela crítica especializada. A modelo Indya Moore, ativista pelos direitos LGBTQI + e atriz principal da série de TV ‘Pose’ da Netflix foi a estrela da apresentação.

25 de julho de 2020

COLUNA #98 LIFE STYLE – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

Interview Fashion:

Vantuir Gomes, diretor criativo da Alavantu, conta tudo sobre sua moda autoral.

Fotos: Roger Silva

Nossa coluna bateu um papo com o criador Vantuir Gomes que paralelo ao seu trabalho com grandes marcas nacionais tem desenvolvido peças cheias de DNA e brasilidade em sua brand Alavantu. A moda sempre margeou todo o seu lar e a expertise da família pode ser vista em suas roupas. A marca é conhecida pelos emblemáticos conjuntos estampados e a mais recente coleção, batizada de Fênix, está repleta de sugestões incríveis. Um projeto que os fashionistas devem ficar de olho!

Como foi que a moda e o universo da criação entrou na sua vida?

Sou de uma família de costureiros, a matriarca é costureira desde seus 15 anos, e aos 60 continua ativa em seu ofício. O DNA criativo está no sangue. Meu amor por moda vem desde a versão original da novela Ti-ti-ti, achava deslumbrante dois homens disputados por suas clientes. Criar é minha maior motivação.

Há quanto tempo e como se deu a criação da Alavantu?

A Alavantu surgiu no final de 2016 fruto do entusiasmo de trazer um novo olhar sobre a moda masculina. O nome tem vários significados, vem do francês Alavantu: En Avant, Tout quer dizer: Todos vão pra frente. Foi o abrasileiramento das expressões usadas em folguedos de origem francesa praticadas em festas nordestinas. Outra versão que afirmou a escolha é Ala de Alagoas, minha terra natal, com a junção do meu nome Vantuir.

O que você quer levar para o público através das suas criações?

Um olhar que você pode e deve vestir de tudo sem estereótipos, padrões ou limitações. Uma moda “no gender” que é feita para ser usada por diversos públicos.

Quais os diferencias da marca?

Sem dúvidas, está na escolhas das estamparias, acredito na visão dos prints com uma identidade contemporânea sempre, na qualidade dos tecidos e texturas.

Quais são suas principais referências?

Amo a visão limpa e sustentável da Osklen e o design criativo de João Pimenta.

Qual sua maior fonte de inspiração?

Tenho como base o nosso Brasil e sua diversidade cultural, o folclore, além das belezas naturais, a fauna e a flora que são tão ricas. A escolha da cartela de cores varia de acordo com a estação, a marca está sempre em sintonia com as tendências da temporada.

Qual o diferencial da sua coleção mais recente?

A Coleção Fênix tem como aposta os tecidos que não amassam! O crepe musson tem uma leveza e um frescor que não precisa do calor do ferro. O crepe casca de melão e a seda também trazem esse mesmo efeito, são ótimos para a economia de energia e uma excelente sugestão para incluir em malas de viagem.

O que podemos esperar para coleção de Verão’21?

Quero buscar elementos naturais, tons neutros, tecidos rústicos, mas com leveza como o linho, laise e algodão orgânico. Aguardem as novidades, tudo será lançado no Instagram da marca @_alavantu.

Nossa coluna vai continuar acompanhando o trabalho desse criador nato, desejamos vida longa para Alavantu!

13 de junho de 2020

COLUNA #92 LIFE STYLE – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

#VOZESPRETAS

Fabiano Gomes é Editor do Blog O Cara Fashion (@ocarafashion), aos 33 anos, ele é Bibliotecário e Cientista da Informação, com extensão em Jornalismo de Moda. O conteúdo que compartilha nas redes sociais e no blog é realmente impecável. Além das pautas de moda, as sociais também estão sempre presentes em sua narrativa. Em entrevista ao suplemento ele nos concedeu um depoimento que dá início a série #VOZESPRETAS, que irá aparecer com frequência por aqui. Sobre a relevância dos influenciadores digitais no atual cenário ele reforça: “Acredito que o papel dos influenciadores neste momento é de grande importância. Uma vez que temos voz dentro uma comunidade, precisamos saber levar informação e posicionamento de forma transparente ao nosso público. Se você não estiver influenciando de maneira positiva e transparente a comunidade de seguidores e leitores que te acompanham, seu trabalho não está sendo feito”, fica a reflexão.

GALERIA DIGITAL

A valorização do trabalho handmade sempre foi um pilar em nossa linha editorial, e é com muita alegria que compartilhamos com vocês o lançamento da Galeria Alagoas Feito à Mão, no espaço digital www.alagoasfeitaamao.com.br, é possível conhecer, negociar e adquirir peças de mestres, artistas populares, designers e artesãos alagoanos. Um projeto do Governo de Alagoas e Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo. O site está no ar com mais de 500 produtos anunciados. Nossa coluna fez uma curadoria de 5 marcas encabeçadas por empreendedoras criativas e que tem produtos genuínos e especiais. Vale conferir!

A artesã Petrúcia Lopes cria peças de vestuário e decoração com o bordado filé. Sempre com um olhar contemporâneo, sem perder suas raízes culturais. | @ateliepetrucialopes

A Zicota é comandada por Josse Leah, é uma marca handmade de moda, acessórios e decoração em crochê. As criações são modernas e cheias de identidade. | @zicotaoficial

A Flor de Caroá é uma marca que mantém o regionalismo em seu DNA. É idealizada pela sertaneja de Batalha-AL, Júlia Ferreira. | @flordecaroa

A Designer Solange Arruda comanda a marca que leva seu nome e desenvolve acessórios e itens de decoração, as icônicas mandalas em crochê já estão no mercado há 15 anos. | @solangearruda

A Trapilho Chic é uma marca alagoana handmade que tem Carol Couto como Diretora Criativa. O ateliê trabalha com artesãs que foram capacitadas profissionalmente junto com a ONG MANDAVER. | @trapilhochic

24 de maio de 2020

CONHEÇA “ÂMAGO” UM PROJETO QUE ME ENTREGUEI DE FORMA ÚNICA E ESPECIAL

#ÂMAGO 1 | Os dias de isolamento social tem permitindo ressignificar muitas coisas, nesse contexto surgem novas ideias e possibilidades. Na série ÂMAGO vocês vão me ver despido das produções, das trends, dos truques de styling… ÂMAGO por anatomia significa carne, por extensão a parte que fica no centro e no sentido figurado refere-se ao mais íntimo e profundo, o que é fundamental, a verdadeira essência, a alma, o imo… E em uma simbiose de textos e fotos quero compartilhar com vocês ideias, vivências e insights. Essa série, com registros plurais, assinados por @rogersilvafotos mostra Wilson Smith para além das roupas, de forma crua e verdadeira. As fotos tem uma intensidade surreal, o ensaio me fez olhar para minha essência, e não é nada fácil, é um exercício desafiador, mas necessário de se tentar. Nos conhecendo intimamente seremos mais fortes e capazes de derrotar o que não nos permite engrandecer. Vamos mergulhar juntos nessa experiência? Já olhou para o seu ÂMAGO hoje?

#ÂMAGO 2 | Nesse momento de isolamento social a frenesi da vida deu um freio brusco. Oportunidades se foram, metas e desejos estão em stand-by, prioridades mudaram de posição completamente… Um turbilhão de coisas pairam no ar. Dores, angústias e medos são latentes… Tudo veio à tona e da forma mais plural possível, não tem como abstrair dos fatos. A maquiagem das relações líquidas borrou, não se pode ocultar mais nada. No fim, só temos a nós mesmos. Esse cenário é um verdadeiro enfrentamento pessoal. Uma oportunidade para conviver com a própria essência enquanto há tempo. E quem sabe não seja o gatilho para uma reconciliação com a própria alma. Percebi – isolado – o ensejo de viver o amor que envolve o meu ÂMAGO! Foto: @rogersilvafotos

#ÂMAGO 3 | Sabe aquele nó na garganta, aquela dor latente que atinge o ÂMAGO? Bem que ela poderia pairar no ar como um grito e ecoar pelos caminhos da vida em forma de liberdade. Se a dor fosse só a carne das mãos que ao esfregar em uma superfície bruta pudesse ser sentida fisicamente, para doer na pele, doer visível, doer com lágrimas… Ah se ao menos esta dor sangrasse… Foto: @rogersilvafotos

#ÂMAGO 4 | Depois de tantas inquietações, tantos encontros, tantos desencontros, o desejo mais efervescente do meu ÂMAGO é me sentir confortável, no grau mais elevado que puder, estando na minha própria pele. É me sentir sereno, mesmo acessando, vez ou outra, lugares da memória que eu adoraria que fossem inacessíveis, existem tristezas que não cicatrizaram, lembranças dolorosas que eu ainda não soube transformar, mas nada como o tempo para mostrar novas perspectivas… Foto: @rogersilvafotos

#ÂMAGO 5 | Meu ÂMAGO é pura confusão, e confusão que envolve tantas coisas… São lembranças, situações, desejos… Tentei por muito tempo buscar rotas de fuga na escuridão. Passei tanto tempo nesses caminhos escuros que percebi uma sensação de liberdade no apagar das luzes. Afinal, no escuro posso me despedir das posturas exigidas pela sociedade, do visual impecável para ser aceito pela turma cool, dos sorrisos que nem quero dar… A escuridão, outrora tão temida por mim, pode ser luz também. Foto: @rogersilvafotos

#ÂMAGO 6 | Meus cabelos crescerem! Quantas sensações tenho ao vê-los. No começo essa iniciativa era apenas uma questão estética, queria uma nova versão minha. Mas, com o passar dos dias fui percebendo tantas coisas atreladas aos meus cabelos negros. E definitivamente é uma atitude carregada de força e significado, me coloquei frente ao encontro com a minha ancestralidade, minhas origens, senti os olhares turvos da sociedade na pele e nos fios (Dentro de casa inclusive!). E isso dói muito. Mas, já que estamos falando de temáticas que tocam o ÂMAGO, esse abordagem não podia ficar de fora. Tenho aprendido a cada dia e desconstruindo muitas coisas, tem sido uma experiência enriquecedora e linda. A beleza negra sempre foi massacrada e negada, e estruturalmente isso ainda é muito latente. A cada dia meus fios crescem e eu aprendo algo novo. Definitivamente não é só estética, não é só moda, meu cabelo faz parte da minha natureza, ele não é um estilo. E que maravilha foi me permitir viver isso. Meus cabelos hoje são minha coroa, minha auréola negra, majestosa, ondeada, densa e perfumada! Foto: @rogersilvafotos

#ÂMAGO 7 | Esse processo de isolamento tem sido muito intenso e feroz, a constância dos dias de reclusão grita que nada externo ao ÂMAGO é necessário. Por isso, quero tentar novas perspectivas enquanto há tempo, quero me despir do que oculta a minha essência… Me despir dos vícios, das amarras, das vaidades, dos sentimentos que atrofiam meu coração… Quero novas vestes, para moldar essa versão pandêmica tão inesperada. E que esse truque de styling na alma tenham peças chave como um novo tempo de paz, de dedicação, de fé, de esperança e transformação. Quero crescer, evoluir com a dor, me despir das fantasias e me vestir de realidade para transcender ao espelho! Foto: @rogersilvafotos

#ÂMAGO 8 | Temos que encontrar segurança e acolhimento dentro do nosso ÂMAGO. Durante o curto espaço de tempo da nossa vida precisamos ter uma relação íntima e intensa com nós mesmos. Sentir na pele e na alma nossa verdadeira essência, se descobrir, explorar nossas lacunas mais profundas, fazer o que nos traz acalento, e sobretudo se cuidar. O mundo passa por um momento onde esse autocuidado físico e mental é extremamente essencial. Precisamos verdadeiramente fazer o que for necessário e estiver ao nosso alcance. E aos poucos, somente aos poucos é que as coisas vão acontecendo, – vão se moldando -, aos poucos vamos aprendendo a viver mesmo nesse cenário desesperador. E aos poucos vamos nos tornando mais fortes. Foto: @rogersilvafotos

#ÂMAGO 9 | Hoje chega ao fim a série ÂMAGO, foram postagens que mostraram um Wil diferente do convencional. Em uma perspectiva mais íntima e densa. Os looks e truques de styling saíram de cena e mergulhei em mim, no meu ÂMAGO, um diário virtual nada convencional na quarentena, aqui escrevi o que venho sentindo nesse cenário pandêmico. Medos, dores, incertezas, angústias… E também falei sobre esperança e autoconhecimento… Um turbilhão de emoções e sentimentos. Gratidão por cada curtida, comentários e feedbacks no direct. Foi uma experiência linda e de muito crescimento. Deixo registrado também minha gratidão ao @rogersilvafotos que usou da sua sensibilidade para eternizar em imagens poéticas essa minha versão não polida. Nascemos pedras brutas e a vida com todos os seus caminhos irregulares nos proporciona um processo constante de lapidação. Estamos em um trecho turbulento da nossa caminhada, mas vamos continuar sempre acreditando e evoluindo com os aprendizados que emanam do nosso ÂMAGO!

23 de maio de 2020

COLUNA #89 LIFE STYLE – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

NOVOS ARES

As alagoanas Joyce Nicácio e Larissa Honorato estudaram juntas Produção de Moda em Maceió e atualmente estão cursando Design de Moda em São Paulo. Paralelo a todos os conhecimentos acadêmicos elas estão atuando ativamente na área que escolheram, Larissa está trabalhando como estilista, comandando o processo criativo de uma marca de atacado e Joyce atua na área de compras e comercial, sendo responsável pela curadoria de uma marca atacadista de jeans. Toda essa bagagem tem agregado bastante na carreira de ambas e essa parceria já está rendendo frutos, elas vão lançar no segundo semestre a marca autoral We Are (@weareloja) que terá DNA marcante e será direcionada para o público jovem que deseja roupas de qualidade, dentro das tendências aliado a um preço justo. Cores, história e descontração são alguns dos pilares da marca. A coluna está na torcida por esse projeto!

Fotógrafo: Dorival Zucatto

F5 FASHION

O atual cenário tem proporcionado um momento de novas ideias, em virtude do distanciamento social, as marcas estão se reinventando para fotografar suas campanhas. Já que aglomerar pessoas não é uma possibilidade, algumas grifes já estão fotografando seus editoriais via FaceTime. Uma das marcas que mais repercutiram foi a Gucci, que apresentou uma nova proposta para o seu inverno 2020, batizado de The Ritual. Os modelos tiveram liberdade para criar e se fotografar de forma sincera e divertida em seus momentos de quarentena – seja fazendo tricô, cuidando do jardim ou cozinhando. E o resultado foi um efeito visual eclético e cheio de personalidade.

TELINHA

Um dos maiores ícones da indústria da moda no Brasil, Dudu Bertholini apresenta a segunda temporada de “Nós, Os Fashionistas” no canal fechado FashionTV, que estreia no dia 5 de junho a partir das 21:00 horas. Sucesso de audiência, a primeira etapa do programa acompanhou a rotina de talentosos profissionais do universo fashion em seus processos de criação e ofício. A atração que teve as gravações realizadas antes da pandemia também ganhou um estúdio próprio em São Paulo, com cenário assinado pelo artista visual Kleber Matheus. Os outros entrevistados por Dudu são: João Pimenta, Carô e Pitty, da Amapô, Lilian Pacce, André Hidalgo, Chiara Gadaleta, Yasmine Sterea, Alexandra Farah e Isabeli Fontana.

TREND DIGITAL

As marcas estão se adaptando para viver neste novo formato repleto de cuidados necessários e restrições essenciais. No entanto a indústria da moda, segue almejando novas possibilidades. No calendário dos fashionistas já está marcado o Milano Digital Fashion Week (MDFW) que ocorrerá entre os dias 14 e 17 de julho de 2020 e apresentará coleções masculinas de primavera-verão 2021 e pré-coleções masculinas e femininas. Esta será a primeira vez na história que o evento acontecerá online. Certamente as peças vão surgir com conexões diretas ao cenário pandêmico. A MDFW vai permitir que as grifes apostem em modelos diferentes do convencional, sejam animações gráficas, vídeos ou imagens de uma sessão de campanha publicitária online. Formatos que respeitem as recomendações da Organização Mundial de Saúde.