PORTFÓLIO
COLUNA WILL STYLE #156 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
PORTFÓLIO
COLUNA WILL STYLE #155 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
MODA
COLUNA WILL STYLE #154 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
23 de março de 2024

COLUNA WILL STYLE #146 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

Orange Celebration

O cenário estava repleto de brilho e celebração na última terça-feira, dia 16 de março, quando o renomado Cirurgião Dentista e Mestre em Sociedade, Tecnologias e Políticas Públicas, Itamar Omena, comemorou seus 28 anos em grande estilo na festa Bagaceira do Ita.

A festividade, marcada por uma atmosfera de sofisticação e animação, contou com a presença de diversas personalidades, incluindo o carismático ex-BBB Bruno Gaga, a prefeita Angela Vanessa, os vereadores Adriana Barbosa e Junior Urubinha, os secretários municipais Higo Fernando, Glaudes Souza, Mariana Dantas e Anna Cláudia, além de familiares e amigos.

Em uma noite repleta de sorrisos e congratulações, Itamar Omena, além de ser o anfitrião impecável, também demonstrou sua versatilidade como criador de conteúdo digital, entregando uma cobertura super completa em suas redes sociais e produções. A festa Bagaceira do Ita celebrou mais um ano de vida do talentoso profissional e também foi um momento de união e alegria entre amigos.

Ficha Técnica: 

Local: Casarão Eventos | Bolos doces e frios: Robson Rodrigues | Cerimonial: Elo Assessoria | Decoração: Decore Festas IV | Fotos: Krislayne Souza | Vídeos: Thiago Garcia e Luan das Mídias | Atrações: Carol Albuquerque, Gil Sarmento, Dj Léo e Dj Five. 

16 de março de 2024

COLUNA WILL STYLE #144 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

Tributo ao Legado de Moda de Iris Apfel

A Mente Brilhante por Trás do Estilo Ícone

No dia 6 de março de 2024, o mundo da moda perdeu uma de suas figuras mais marcantes e inspiradoras, Iris Apfel. Aos 102 anos de idade, Apfel deixou para trás não apenas uma vida longa e rica em experiências, mas também um legado duradouro que transcende as fronteiras do tempo e do estilo.

Conhecida por sua ousadia, exuberância e uma visão única de moda que desafiava as convenções tradicionais, Iris Apfel não apenas vestia roupas, ela personificava a expressão individual e a criatividade sem limites. Sua abordagem distinta para o vestuário era uma celebração da autenticidade, encorajando as pessoas a abraçarem sua singularidade e a expressarem-se livremente através da moda.

Desde cedo, Apfel mostrou uma paixão inabalável pela moda e pelo design. Ao longo de sua vida, ela acumulou uma coleção vasta e eclética de peças de vestuário e acessórios, misturando o antigo com o moderno, o extravagante com o discreto, de uma maneira que apenas ela sabia fazer. Sua habilidade de combinar texturas, cores e padrões de uma forma aparentemente improvável, mas harmoniosa, era verdadeiramente única.

No entanto, mais do que apenas uma fashionista, Iris Apfel era uma verdadeira visionária. Ela desafiou os padrões de idade, gênero e beleza, provando que a moda não tem limites e que o estilo é eterno. Sua presença vibrante e inconfundível inspirou não apenas aqueles dentro da indústria da moda, mas também pessoas de todas as idades e origens ao redor do mundo.

Além de sua influência no mundo da moda, Apfel também foi uma defensora da inclusão e da diversidade. Ela abraçava todas as idades, formas, tamanhos e estilos, defendendo a ideia de que a moda deveria ser acessível a todos e que a verdadeira elegância reside na confiança e na autenticidade.

Enquanto nos despedimos de Iris Apfel, sua presença continuará a ser sentida através de seu legado duradouro. Suas contribuições para a moda e para a cultura popular deixaram uma marca indelével, inspirando gerações presentes e futuras a abraçarem sua individualidade, a desafiarem as normas e a explorarem o poder transformador da moda como forma de expressão pessoal.

Que a memória de Iris Apfel, com seu espírito irreverente e sua paixão pela moda, continue a inspirar e a encantar aqueles que buscam a verdadeira essência do estilo e da criatividade. Seu brilho único nunca será esquecido, pois ela permanece eternamente imortalizada não apenas em suas roupas, mas também em nossos corações e mentes.

15 de março de 2024

COLUNA WILL STYLE #145 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

Para o mês das mulheres, nossa coluna abre o espaço da moda para dar vez à cultura e indica 4 livros escritos por mentes femininas. 

Não Fossem as Sílabas do Sábado, Mariana Salomão Carrara 

Mariana Salomão Carrara entrega um mergulho brutal e sensível no processo de luto de uma arquiteta após a morte do marido. Com uma escrita que domina as nuances da linguagem e suas metáforas, Carrara aborda temas difíceis, como o fim iminente da vida, enquanto sua protagonista oscila entre seguir em frente e permanecer no choque da perda. Vencedor do Prêmio São Paulo de Literatura 2023, este livro é uma leitura intensa e cativante.

Minha Liberdade Não Te Serve, Mariana Félix 

Neste volume, Mariana Félix, escritora, poeta e slammer, reúne uma coleção de seus poemas mais amados e famosos, junto com 15 inéditos, todos engajados na luta feminista antirracista, autocuidado e afeto. Félix, cujo encontro com a poesia aconteceu enquanto trabalhava como inspetora de escola pública há uma década, apresenta uma voz única e poderosa que ecoa nas páginas deste livro. Com um prefácio escrito pela renomada poeta Luiza Romão, esta obra é um testemunho da resiliência e da força feminina.

Virgínia Mordida, Jeovanna Vieira 

Em seu romance de estreia, Jeovanna Vieira nos conduz por uma narrativa que revela os refinamentos contemporâneos dos abusos psicológicos no relacionamento entre Henrí, um ator argentino, e Vírginia, uma advogada carioca radicada em São Paulo. O amor intenso entre eles logo se transforma em situações nocivas, permeadas por questões de raça, gênero e classe, descritas em capítulos rápidos e vertiginosos. “Romance galopante, sem rodeios. Nu, cru, imperdível”, como define a escritora Andréa del Fuego.

Lugar de Fala, Djamila Ribeiro

Djamila Ribeiro nos guia através de uma reflexão profunda e necessária sobre o conceito de “lugar de fala” e sua importância no contexto da luta antirracista e feminista. Com clareza e perspicácia, Ribeiro aborda questões fundamentais sobre poder, privilégio e representatividade, oferecendo uma visão inspiradora para aqueles que buscam entender e transformar as estruturas de opressão em nossa sociedade. Este livro é uma leitura essencial para todos que desejam construir um mundo mais justo e inclusivo.