PORTFÓLIO
COLUNA WIL STYLE #37 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
PORTFÓLIO
COLUNA WIL STYLE #36 – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE
BELEZA
O Boticário inclui novos itens na Beauty Week e descontos chegam até 60%
7 de novembro de 2021

Fotógrafo radicado em Alagoas, Roger Silva, lança o fotolivro Banzo no Centro Cultural Arte Pajuçara

Em novembro é celebrado o Dia da Consciência Negra, é embalado por essa atmosfera das pautas sobre a negritude que o Historiador e Fotógrafo, Roger Silva, escolheu o presente mês para marcar o lançamento do seu fotolivro Banzo. A obra se propõe a discutir sobre as dores e angústias que a população preta e periférica enfrenta até os dias atuais. No próximo dia 13 de novembro, às 14:00h, acontecerá o lançamento oficial no Centro Cultural Arte Pajuçara, o evento também contará com uma mostra fotográfica, apresentação de voz e violão com Karine Moura, exibição do curta-metragem de Banzo, vencedor do Banese Cultural, e do curta-metragem documentário “Angola Palmares: Dialogando com o Grande Quilombo”, além de uma roda de conversa com o autor.

O fotolivro Banzo foi desenvolvido ao longo de um ano, é o desdobramento da série de autorretratos que teve reconhecimento nacional, na edição brasileira do renomado jornal espanhol “EL PAÍS”, a obra de Roger Silva foi a vencedora do concurso de fotojornalismo promovido pelo veículo em parceria com a editora Artisan Raw Books, apoiado pelo Favela em Pauta. As imagens que levam a assinatura do pernambucano radicado em Alagoas há 16 anos são contribuições expressivas para causas muitas vezes encobertas pela estrutura social vigente no Brasil.

O termo banzo era usado pelos africanos escravizados quando queriam dizer que estavam com saudades da sua terra natal, tristeza essa que era lapidada por força, já que entregar-se a esse amargor profundo também era uma forma de resistência. Todo o conceito da obra, processo criativo e reflexões trazidas no fotolivro vão ser apresentados em um bate-papo com o autor, sobre o tema: “Consciência negra na produção fotográfica alagoana. Que consciência?”, na ocasião o público poderá ter contato com a obra e vai interagir diretamente com Silva, em um cenário intimista e marcado por troca de vivências. A fotógrafa Gabi Coelho, que participou da curadoria de Banzo, também irá contribuir no painel.

Sobre a tarde de lançamento o fotoartista reforça: “É bastante simbólico lançar o fotolivro Banzo no mês da Consciência Negra, é uma forma de dizer que entendo a importância da data e de quem lutou para que ela exista. Nós pretos não chegamos até aqui de forma leve e sublime, são séculos de muito suor, lágrimas e sangue derramados em nome da nossa luta por liberdade. Ter Banzo ocupando esse espaço é sinal que não podemos perder a esperança, nem podemos nos acostumar com censura e o silenciamento imposto pelo racismo estrutural”, conclui.

Encorpando ainda mais o evento, será exibido o curta-metragem documentário “Angola Palmares: Dialogando com o Grande Quilombo”, dirigido por Benival Farias. O curta fala sobre a relação da capoeira com a terra de Zumbi, compondo mais uma edição do Cine Cidadão promovido pelo Cine Arte Pajuçara. “O Centro Cultural Arte Pajuçara vem se consolidando como polo de difusão e circulação cultural, com uma visão voltada para a diversidade, o que envolve temas como a questão da negritude, da cultura afrobrasileira e do combate ao racismo. Em novembro, quando nos voltamos de forma mais visível para estas questões, em razão do Dia do Consciência Negra, cabe ao espaço ampliar esse debate e contribuir para fortalecimento dessa temática”, afirma do diretor do espaço Marcos Sampaio.

O lançamento do fotolivro Banzo e todas ações incorporadas nesse projeto, nos dará a possibilidade de debates e reflexões sobre questões ligadas à negritude. E toda comunidade alagoana está convidada para participar desse momento.

Programação iniciada às 14:00h, contendo:

– Apresentação musical voz e violão com Karine Moura.

– Exibição do curta-metragem “Banzo”, vencedor do Banese Cultural.

– Exibição do filme curta-metragem documentário “Angola Palmares: Dialogando com o Grande Quilombo”.

– Bate-papo com o diretor, Benival Farias, do curta-metragem documentário “Angola Palmares: Dialogando com o Grande Quilombo”.

– Bate-papo com o fotoartista Roger Silva (Autor do Fotolivro Banzo) e a fotógrafa Gabi Coelho (que integrou a Curadoria do Fotolivro Banzo).

– Encerramento e momento para autógrafos do fotolivro.

Serviço:

Entrada: Gratuita (os ingressos podem ser retirados na bilheteria do Centro Cultural Arte Pajuçara, a partir das 13h30, serão ofertados 120 ingressos)

Data: 13/11/21

Local: Centro Cultural Arte Pajuçara

O fotolivro Banzo estará disponível para venda no evento por R$ 59,90 e pode ser adquirido em todos os cartões de crédito, em espécie ou via PIX.

Mais informações: 82 99803.8233 | 82 99981.9158

13 de setembro de 2021

Cantor alagoano Boby CH comemora 10 anos de carreira com show gratuito no Youtube

Vim aqui compartilhar a indicação de um artista que ainda não tinha tido contato com as canções, recebi essa pauta no e-mail, fui ouvir e achei incrível a sonoridade! Não podia deixar de dividir por aqui. Faço o convite para vocês darem play nas músicas do MC alagoano Boby CH. Também conhecido como Jaçaman – referência ao bairro do Jacintinho, meu conterrâneo aqui de Maceió, o artista completa 10 anos de carreira em 2021 com uma trajetória marcada por músicas autorais e diversos shows em eventos e festivais. Em comemoração, o cantor acaba de disponibilizar o live show gratuito ‘Boby CH – 10 Anos Ao Vivo’ no YouTube.

Segundo a assessoria, o repertório contou com a sonoridade da cultura SoundSystem e Jamaicana com influência no Hip Hop e Ragga presente nos três álbuns autorais ‘Estiga Perifa’, de 2014, ‘Emaná’, de 2018, e ‘Emaná Deluxe’, de 2021, além dos EPs musicais ‘Unidade’, de 2015, e ‘Vivência’, de 2019. Outros singles autorais conhecidos na cena também fazem parte do projeto, como ‘Rael’ – feito em 2020 em homenagem ao nascimento do seu primeiro filho, e ‘Massayo Remix’. O áudio ao vivo do projeto também será disponibilizado em todos os canais de streaming de música.

Achei muito legal que a equipe foi composta priorizando profissionais alagoanos para produção e execução do projeto. O material já está disponível no YouTube em todas as plataformas de streaming de música.

‘Boby CH – 10 Anos Ao Vivo’ foi realizado com recursos da Lei Emergencial da Cultura Aldir Blanc da Secretaria da Cultura do Estado de Alagoas e da Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, do Governo Federal. Esse incentivo é extremamente importante e necessário, o Blog do Wil deseja ainda mais sucesso! Adorei as músicas, toda produção de cena, figurino… Parabéns à todos os envolvidos!

Ficha técnica: 

Figurino: @augustochristoff
Acessórios: @dondokas_mcz
Produção: @augustochr
Fotografia: @_edvanferreira
Barber: @anderson.marques10
Locação: @escolacriattiva
Id Visual: @jvcvmvn

6 de agosto de 2021

Associação Pestalozzi de Maceió realiza bazar beneficente

A Associação Pestalozzi de Maceió irá realizar nos dias 09 e 10 de agosto, das 09h às 16h, no pátio do Centro Especializado em Reabilitação – CER IV, que fica localizado na Rua Firmo Lopes, 242, no bairro do Farol, a primeira edição da Garagem Solidária. Comprar em bazar fortalece o consumo consciente e a moda circular. E, nada melhor do que unir essa prática sustentável à uma boa causa.

A ação da Associação Pestalozzi tem como foco a venda das doações de roupas, calçados, acessórios, objetos e utensílios domésticos arrecadadas durante campanha interna. É uma excelente oportunidade para atualizar o acervo gastando pouco e ainda contribuir com quem precisa. As peças serão vendidas com valores a partir de R$: 0,99. IMPERDÍVEL!

Imagem ilustrativa

O bazar será aberto para todos e 100% do valor arrecadado será revertido para a Associação Pestalozzi de Maceió, que atende usuários com deficiência em suas clínicas especializadas. É importante salientar que a equipe de marketing da instituição fez uma curadoria que contempla peças para todos os tamanhos, gostos e estilos.

A instituição disponibilizará várias formas de pagamento. Serão aceitos: cartões de crédito e débito, Pix e dinheiro. Maiores informações sobre a Garagem Solidária da Associação Pestalozzi de Maceió podem ser obtidas pelo telefone (82) 2121.0029 ou pelas redes sociais da instituição, Instagram: @pestalozzimaceio e Facebook: /Pestalozzidemaceió.

19 de junho de 2021

O Boticário traz Gil do BBB para celebrar São João em live show de Solange Almeida

É fato que a saudade das comemorações juninas assola os corações dos brasileiros há mais de um ano. Os nordestinos, pela segunda vez, estão sem a tradicional festa de São João. Mas a data não vai passar sem brilho. O Boticário, que sempre esteve presente e próximo à cultura nordestina, preparou diversas ações para os amantes da festividade que celebra a fé e o amor com tanta cor e alegria. A festa de São João faz parte do calendário de ações da marca, como a Orquestra Sinfônica de Exu, em 2018; os 50 anos de carreira da paraibana Elba Ramalho, em 2019, e com Dorgival Dantas para o primeiro São João virtual, em 2020.

O rei da cachorada, Gil do Vigor, do BBB 21, novo parceiro do Boticário, será o grande anfitrião da live no dia 23 de junho, que acontece no canal do Youtube do Boticário. Ele vai conduzir o momento com atrações musicais e muita cultura nordestina. A campanha “Uma Saudade Chamada São João” resgata toda a alegria desta data com a retomada de músicas regionais e decoração com muitas cores.

A cantora e compositora Solange Almeida será a principal atração do show exclusivo. Solange foi a intérprete do jingle da campanha de São João do Boticário, em uma melodia que coloca todo mundo pra cantar e dançar. Ainda durante a live, um trio de forró pé de serra de Caruaru (PE), formado exclusivamente por mulheres, também fará uma participação especial para celebrar todas as correntes musicais de São João, desde o forró raiz até mais pop, do baião ao xaxado.

Fonte: Assessoria

16 de março de 2021

Solange Arruda lança coleção batizada de “NINHO”, é a primeira família de esculturas e vasos da designer!

TALENTO DA TERRA

A Designer Solange Arruda é um talento alagoano que está em constante processo criativo. Os acessórios em crochê que exploram formas geométricas já são sua marca registrada. Como a moda é um processo fluído, Solange mais uma vez inova em sua carreira e expressa o saber handmade também através da decoração.

Seu mais novo trabalho é a mini coleção batizada de “NINHO”, a primeira família de esculturas e vasos feita de materiais vindos da natureza, como: palha, cerâmica e madeira. Mostrando novas possiblidades e vestindo a casa. As peças by Solange Arruda podem ser adquiridas no Estúdio Alavantú, que fica localizada na Rua Mário de Gusmão, Nº 555, Ponta Verde.

13 de outubro de 2020

Brechó de luxo aposta em sustentabilidade e consumo consciente pós-pandemia

Os Brechós vêm se popularizando muito nesses últimos anos como uma ótima opção de compra, uma vez que isso tem a ver com a preocupação em relação ao consumo exagerado que está diretamente relacionada aos impactos sociais e ambientais negativos de uma produção e consumo de moda desenfreados. Além do mais o preço: comprar nesse formato pode ser bem mais barato em relação às compras em lojas tradicionais.

O consumo consciente ganhou força durante a pandemia; é uma consequência positiva e que vai permanecer no “novo normal”. Inserido na tendência de economia circular, o brechó de luxo @cansei_vendi (www.canseivendi.com.br) registrou um crescimento de 30% de abril a julho em comparação ao mesmo período do ano passado e expande o acervo de seminovos com a criação da seção New But Sustainable, que traz produtos sustentáveis novos para complementar o portfólio.

Enquanto as vendas globais do mercado de luxo tiveram uma queda estimada de 25% no primeiro trimestre e devem somar um encolhimento entre 20% e 35% em 2020 – segundo a consultoria Bain & Company –, o @cansei_vendi registrou um aumento expressivo nas transações e atingiu recorde de faturamento mensal em agosto. “As pessoas não estão viajando, por conta das restrições para conter o coronavírus, e a alta do dólar tornou os importados inviáveis”, analisa Leilane.

Para compensar o prejuízo durante a crise, grifes como Chanel e Louis Vuitton aumentaram os preços mundialmente. E o reflexo foi sentido na plataforma brasileira, em que as bolsas lideraram as saídas nos últimos meses – especialmente as dessas duas marcas –, seguidas por relógios e joias.

Novo conceito!

Mais exigente, o consumidor mudou os hábitos de compras e leva em conta fatores ambientais e sociais em suas escolhas. O New But Sustainable contempla peças de moda sustentável e produtos naturais e artesanais.

Enquanto os itens do segmento second hand passam por minuciosa curadoria e controle de autenticidade – tanto da equipe interna quanto da empresa americana Real Authentication, que é especializada em artigos de luxo – para evitar falsificações, a nova categoria tem marcas locais também selecionadas a dedo, para garantir que a origem das matérias-primas e os processos de fabricação sejam coerentes com a proposta eco-friendly.

O marketplace tem mais de quatro mil peças seminovas de mais de 120 grifes, distribuídas nas seções de vestiário feminino, masculino, infantil e home & decor, com valores até 80% menores aos das lojas. “A moda é cíclica, os produtos invariavelmente voltam a ficar em alta. E o futuro do consumo é a economia circular. É um caminho sem volta, uma consequência positiva desse momento em que passamos”, diz Leilane. O Blog do Wil acredita e apoia essa iniciativa!

25 de agosto de 2020

Fotógrafo Roger Silva ganha concurso promovido pelo “EL PAÍS”

A série de autorretratos Banzo, produzida na periferia de Maceió, ocupou o primeiro lugar da microbolsa “EL PAÍS” e Artisan.  As fotos falam sobre as dores e angústias da população negra em tempos de isolamento social

Historiador, professor de História e fotógrafo por amor e prazer de registrar fragmentos da vida cotidiana, Roger Silva, hoje aos 40 anos, começou a aflorar. Seu encanto pela fotografia surgiu ainda na infância, quando aos 12 anos visitou uma loja de revelação no Centro de Maceió acompanhado de seu pai, que trabalhava como padeiro na cidade. A fotografia de Roger Silva carrega consigo um olhar para as minorias, as imagens que ele produz são reflexos do seu interior e das suas vivências.

Natural de Barreiros, município de Pernambuco, mas radicado em Alagoas desde os 15 anos, atualmente residindo no Eustáquio Gomes, o fotógrafo foi destaque na edição brasileira do renomado jornal espanhol “EL PAÍS” no último domingo (23/08), eleito como vencedor da microbolsa de fotojornalismo “A Covid-19 nas Periferias do Brasil”, oferecida pelo veículo em parceria com a editora de livros de fotografia Artisan Raw Books, apoiado pelo Favela em Pauta.

O concurso era destinado a fotógrafos independentes com ensaios que retratassem a vida cotidiana da periferia durante a pandemia do novo coronavírus.  O trabalho premiado foi a série de autorretratos Banzo, que se sobrepôs aos 135 inscritos de todo país, a obra tem como narrativa as dores e angústias da população negra periférica em tempos de isolamento social. A conquista é um marco que dá ênfase ao seu talento e dedicação. Roger começou a trabalhar aos 10 anos, ainda no interior de Pernambuco para ajudar sua família e em 2002 com a morte de seu pai assumiu a função de provedor dos irmãos ao lado de sua mãe.

A fotografia ganhou ainda mais significado e profundidade dos sentidos quando ele ingressou em 2013 no curso de História na Universidade Federal de Alagoas (UFAL). Paralelo as aulas em escolas privadas e trabalhos como adesivador Roger produz seus projetos fotográficos e são com eles que se realiza. O cenário pandêmico rendeu três séries: Casulo, Metamorfose e Banzo, sendo o último responsável pelo prêmio: “Banzo é um manifesto imagético sobre nossas dores e lutas por sobrevivência”, pontua. O nome do trabalho, Banzo, significa “afetado por tristeza; que revela abatimento”. “É uma expressão usada pelos africanos escravizados no Brasil, que diziam estar banzos quando tinham tristeza ou saudades da sua terra”, explica o autor.

As máscaras usadas no ensaio, segundo Silva, são alegorias dos medos, angustias e dores da população negra que vive nas áreas mais carentes durante a pandemia. “Estamos isolados na quarentena, mas isso também é uma questão histórica. Somos banzos desde muito tempo. A pandemia só aprofundou isso”, reforça. Roger Silva tem como traço da sua fotografia o preto e branco, mas suas imagens vão além da ausência de cores, cada click reflete sobre a realidade que ultrapassa a forma.

Serviço:

O portfólio do artista, seus projetos e ações estão disponíveis em seu Instagram @rogersilvafotos. Na rede social também estão os contatos para agendamentos de ensaios e compras das fotografias.

Link da públicação no EL PAÍS.

4 de janeiro de 2020

Big Party: Léo Santana e outros grandes nomes da música nacional agitam 16ª edição do Réveillon Celebration

A 16ª edição do Réveillon Celebration aconteceu na praia de Jacarecica, em Maceió. O line up das atrações foi bastante diversificado e passeou por vários estilos, como: sertanejo, forró, funk, brega e os clássicos do axé. Uma pluralidade musical incrível que animou mais de 12 mil pessoas, fazendo jus ao tema ‘Viva Como Nunca’.


A noite começou com o funk do DJ Pedro Sampaio, seguido pela sofrência do imperador Gusttavo Lima, o forró estilizado de Márcia Fellipe, a swingueira contagiante de Léo Santana e a manhã foi encerrada com um delicioso café e muita animação ao som dos clássicos de Bell Marques. Turistas de toda parte do Brasil e alagoanos lotaram a Arena Happiness, os espaços Make a Wish, Premium e os Lounges Love e Hope. A festa foi escolhida por muitos influenciadores digitais e celebridades, gerando muitas postagens nas redes sociais.


A capital alagoana aparece em 1º lugar no ranking dos 10 destinos mais procurados para passar a virada do ano, segundo pesquisa realizada pela CVC, a maior operadora de turismo da América Latina. Um dos principais atrativos foi o Réveillon All Inclusive Celebration 2020, que mais uma vez reuniu um time de artistas incríveis. E já fica no ar a espera para o próximo ano!

Matéria de capa do suplemento TUDO! | Jornal Tribuna Independente

28 de dezembro de 2019

COLUNA #68 LIFE STYLE – JORNAL TRIBUNA INDEPENDENTE

A produção do dia 31 de dezembro é um dos assuntos mais buscados nesse fim de ano, afinal todo mundo quer passar o Réveillon com muito estilo. Para a última coluna do ano seguem 4 dicas simples, mas que fazem toda diferença. Desejo que 2020 seja lindo e muito iluminado!

REPETIR É TREND

Fazer compras inteligentes e ter peças que possam ser usadas em vários momentos é o que há de mais cool. Então, se você não acredita nas superstições sobre comprar roupas novas para o dia 31, está tudo certo. Abra seu guarda-roupa, reviva suas memórias, junte as peças que são importantes para você e componha o look da virada de acordo com o seu mood. O novo não é regra, chique mesmo é ser feliz!

NOS PÉS…

Leve em consideração o local em que você passará a virada. Se estiver na praia, por exemplo, para as mulheres vale evitar salto alto e aos homens sapatos fechados, apostem em rasteirinhas e chinelos, – respectivamente. Em eventos na cidade, opte por calçados confortáveis que não irão te impedir de curtir cada momento da festa.

ABUSE DOS ACESSÓRIOS!

Os acessórios tem o poder de transformar completamente os looks. E o truque de styling da temporada é fazer misturas no melhor estilo high-low, – peças luxuosas com outras descoladas. Sabe aquela sua joia que está guardada? É hora de colocar ela para passear e brilhar em conjunto com acessórios handmade que você garimpou de algum designer local, em feirinhas nas suas viagens ou de hippies na praia. Essas composições de joias com itens artesanais é o último grito!

BEACH

Maceió é a capital dos Réveillons e a bossa litorânea está presente na maioria das festas. Se for passar a virada na praia, não se limite à roupas brancas, abuse também de peças coloridas e florais. Os tecidos naturais são bem-vindos, assim como opções leves e fluídas. A grande regra é sentir-se bem!

26 de dezembro de 2019

PRÉ-RÉVEILLON ESQUENTA MACEIÓ PARA A CHEGADA DE 2020

O fenômeno musical do Brasil Wesley Safadão desembarca em Maceió, no dia 30 de dezembro, para o Celebration Sunset, que acontece na Arena Parque Shopping Maceió, em Cruz das Almas. Além do cantor mais tocado do país, o line up da festa conta com grandes nomes do momento:  Dennis DJ, Yasmin Santos, Eric Land, Santti e Pitão.

O evento faz parte do calendário de festas da Celebration Week 2020, que antecede o Maior Réveillon All Inclusive do Brasil, e reúne milhares de pessoas na capital alagoana. As festas de pré-réveillon promovidas pela equipe do Réveillon Celebration já são tradicionais e esperadas na cidade, e sempre prometem um momento de muita alegria com grandes atrações. É a abertura das celebrações para a chegada do novo ano. Aperta o play para já ir entrando no clima!

Para a última segunda-feira de 2019, o palco 360 graus do Sunset trará uma mistura de ritmos que o alagoano e os turistas gostam: muito forró, funk, sertanejo e eletrônica. O evento será dividido em três áreas: Arena, Camarote Individual e Lounges. O diferencial no espaço Camarote fica por conta dos serviços de Salão de beleza, SPA e banheiro luxo climatizado.

SERVIÇO: 

Pré-réveillon Celebration Sunset

Quando: 30 de dezembro

Hora: a partir das 16h;

Onde: Arena Parque Shopping Maceió

Mais informações em  www.reveilloncelebration.com.br

Fonte: Assessoria